segunda-feira, 16 de julho de 2012

- A PRIMEIRA PEDRA NÃO… MAS A VERDADE? DOA A QUEM DOER!!!


Há uns dois meses atrás vendo minhas atualizações básicas na internet, no meu blog “ADORADOR EXTRAVAGANTE”, fui confrontado com uma frase:

“PARE DE APONTAR as pessoas… Jesus disse: aquele que não tiver pecado, que atire a primeira pedra".

…isso me chateou. Pensei até que realmente todo o combate que eu fiz para defender uma fé cristã sadia e para desmascarar aqueles que sabendo do erro que ensinam permanecem fazendo isso para benefício próprio, que tudo que eu fazia poderia estar errado, que era perda de tempo, que eu era um idiota que poderia estar fazendo qualquer coisa ao invés de ficar mostrando para as outras pessoas os ensinos heréticos e as pessoas que assim o fazem.

Após conversar com minha esposa (sempre ela) e orar um bocado, relembrei das palavras de Jesus:

“Aquele que não tiver pecado, que atire a primeira pedra”.

As pedras que iam lançar na mulher adúltera (João 8.1-11) iriam condena-la. Iriam matá-la. Iriam até mesmo mandá-la pro inferno. Eram pedras de condenação, de julgamento eterno. Não eram mais acusações, não eram mais exposições do erro, não eram mais a simples exortação. ERAM A MORTE ETERNA!

Foi aí que eu percebi. Jesus não livrou a mulher de mostrar a ela seu erro para que ela se consertasse, senão não teria dito “nem eu te condeno, VAI E NÃO VOLTES A PECAR!” (v. 11). Ele expôs sim o erro à moça, queria que ela reconhecesse sua falha para com Deus, e consigo mesma. E queria que ela mudasse de atitude, que vivesse uma nova e eterna vida. Jesus apenas a livrou da sentença condenatória, da morte e do inferno. Ele também não quis dizer a ela, esses homens também estão cheios de pecados, por isso você também tem o direito de continuar a viver em pecado; ao contrário Ele disse: VAI E NÃO PEQUES MAIS!!!

E é justamente isso que eu e tantos como eu, que passam suas vidas orando, buscando conhecer a Palavra de Deus em sua integridade e fugir de ensinamentos contrários à Sua Santa Palavra, lutando contra os aproveitadores desse mundo e que destroem a imagem da igreja por si próprios e não demonstram um pingo de arrependimento. Mas não quero que eles morram e vão pro inferno. Eu não os condeno. Eu não os julgo. Mas eu tenho o direito e o DEVER de zelar pela Casa de Deus (João 2.17), pela Palavra do Senhor ser pregada de verdade contra os que não suportam a sã doutrina (II Timóteo 4.3-4), para que os ímpios parem de escarnecer do nome de Deus (Isaias 52.5 / Romanos 2.24), como tem acontecido por culpa exclusivamente de nossa passividade e de deixar toda sorte de heresias e falsos ensinos penetrarem na igreja e nós de braços cruzados engolindo tudo como se tivesse “bom demais” (Apocalipse 2.14-16 e 20-23). Não condenarei nenhum dos líderes, seja ele quem for, mas a Verdade é que temos que mostrar a verdade, quer gostem os líderes ou as pessoas ou não, quer morramos, quer vivamos, que falemos a Verdade a tempo e fora de tempo! (II Timóteo 4.2).

Algumas igrejas abriram mão de pegar o Evangelho genuíno e estão pregando o “EVANGELHO DAS FACILIDADES”. Venhas como estais e continue, Deus te ama e te aceita, estamos debaixo da graça e o perdão de Deus nos alcança a todo o momento.

Ao ver tal discrepância doutrinária, não sei se fico irado ou se prefiro o EVANGELHO DA PROSPERIDADE, não sei onde há mais engano!

O que esses líderes de igrejas locais estão esquecendo é que, de certa forma viver debaixo da graça é mais complicado que viver debaixo da lei. Na lei o pecador se apresentava ao sacerdote, levava sua oferenda, sua oferta que era queimada, uma parte, a outra ficava para alimentar o sacerdote e os levitas e daí estava tudo certo. A LEI ERA DE FORA PARA DENTRO, fácil de manipular. Quando Deus mandou Jesus, através de sua morte passamos a viver a GRAÇA e é por isso eu digo que viver a graça é muito mais difícil do que viver a lei. Na graça o sacerdote é você, a figura do UNGIDÃO a-ca-bou e não é ele que vai dar conta da tua alma, ele dará conta de ter ou não ensinado a cada ovelha o que Jesus deixou, de cada ovelha que se desviou e ele não foi buscar e quem pode ser fulminado no Santos dos Santos é você, na graça o que conta é o coração, o sentimento, e o culto racional, quer dizer, com entendimento de que o próprio Espírito Santo está ali para receber a sua oferta e sondar o seu coração para ver se lá existe alegria em ofertar, se existem pecados escondidos, se há ressentimentos, desejos malignos contra líderes, pastores e irmãos, se você precisa pedir perdão a alguém ou perdoar, em fim A GRAÇA É DE DENTRO PARA FORA e da sondagem do Espírito Santo NIGUÉM foge.

O Evangelho puro e simples tem passado por maus bocados nos dias de hoje. O conceito de uma igreja defensora da verdade do Evangelho, uma igreja pura, que pratique a sã doutrina, está sendo posto de lado constantemente. Aqui e ali proliferam igrejas que se esmeram em modismos e invencionices humanas com o intuito de alcançarem uma suposta relevância, mas que na verdade deturpam a preciosidade e a vitalidade do conceito bíblico de Igreja como se encontra nas páginas do NT.

Isto certamente vai impactar no discipulado. No seguir a Cristo todos os dias e todas as horas. A confusão reinante de ideologias, doutrinas e visões de ministério produz uma Igreja distorcida e indubitavelmente vai gerar discípulos tortos. Tortos no sentido de não andarem segundo o RETO caminho que lhes é proposto nas Escrituras (At 13.10). Teologia Relacional. Teologia da Prosperidade. Liberalismo teológico. Neopentecostalismo. Legalismo de usos e costumes, ou o seu oposto, o Antinomianismo. Essas são as distorções que estão em nosso meio e que exigem um posicionamento firme de todo o crente que ama e reconhece a sã doutrina (2Tm 4.3).

Todavia será um discipulado tortuoso, desfocado, inútil tanto para o discipulando como também para o que discipula, se tiverem como pressupostos de fé, conceitos teológicos como os que relacionei há pouco. Como pensar em um discípulo saudável que acredita que Deus abriu mão de sua soberania, ou que não é onisciente? Ou um discípulo que acredita que pode ordenar que o Senhor Deus atenda a todos os seus pedidos, que ele tem direitos e Deus é obrigado a atendê-lo? Ou, aqueles que entendem que a vida cristã é sinônimo de um código de regras e que quase tudo é pecado? Ou, em outro extremo, o crente pode fazer o que quiser, até cair na gandaia, porque sendo Deus gracioso, sempre irá perdoá-lo?

Não se pode pensar em discipulado saudável em ambiências como essas. Não se concebe saúde espiritual e caminhada junto com o Mestre se a Palavra de Deus é desprezada nessas variadas formas.

Urge que cada pastor volte-se para a pureza da Palavra de Deus. Que abandone urgentemente toda heterodoxia, todo ensino errôneo, e se apegue à sã doutrina, à ortodoxia. Parece que há pastores que entendem que a Bíblia tem de ser complementada com ensinos humanos.

A REVELAÇÃO DE DEUS É COMPLETA E IMUTÁVEL. O QUE DEUS TENCIONOU NOS REVELAR E ORDENOU QUE OBEDECÊSSEMOS ESTÁ NOS 66 LIVROS QUE COMPÕEM AS SAGRADAS ESCRITURAS.

Uma igreja distorcida é aquela que, além da Bíblia, enfatiza interpretações humanas alheias ao que o texto bíblico realmente quis dizer. Isto vai gerar multidões de discípulos tortos, ou seja, deformados em sua vida de fé no Senhor, porque acreditam e colocam em prática ensinos que Deus nunca teve a intenção de repassar-lhes para que obedecessem.

Grupo Logos – O EVANGELHO


Paulo Cesar da Silva
Eu sinto verdadeiro espanto no meu coração
Em constatar que o Evangelho já mudou
Quem ontem era servo agora acha-se senhor
E diz a Deus como Ele tem que ser
Mas o verdadeiro Evangelho exalta Deus
Ele é tão claro como a água que eu bebi
E não se negocia sua essência e poder
Se camuflado a excelência perderá
O Evangelho que desvenda os nossos olhos E desamarra todo nó que já se fez
Porém ninguém será liberto sem que clame
Arrependido aos pés de Cristo o Rei dos reis 
Porém ninguém será liberto sem que clame
Arrependido aos pés de Cristo o Rei dos reis 



Graça e Paz
Um abraço no seu coração
Pr. William Thompson

Um comentário:

Anônimo disse...

Tem gente que vive na igreja, mas não sabe o por que de estar ali, é como se Jesus tivesse morrido em vão. Só querem se beneficiar, como aqueles que seguiam o Senhor pelo pão e pelo "show".
E essa canção do Logos é uma pancada na cara de pau desses tantos que vivem nas igrejas enganando as almas incautas.

- VOCÊ ESTÁ CHEIO DE QUE?

Efésios: 5: 17   Portanto, não sejais faltos de juízo, mas buscai compreender qual é à vontade do Senhor. E não vos embriagueis com vinh...