sábado, 9 de setembro de 2017

- PARABÉNS REDE GLOBO!




-"Eu não sou mulher, foi um engano, eu sou homem nasci no corpo errado".......
Como entender esse texto?
De quem foi o engano?
Do pai?
Da mãe?
Ou de Deus?
Se nasceu no corpo errado o que foi que nasceu?
Alma?
Espírito?
Ou o cérebro?
Essas coisas tem sexo definido?
Estou confuso, e o que fazemos com o DNA?
Os seios foram engano, o órgão genital feminino foi engano, os cabelos e a delicadeza do corpo e pele foram engano?
A felicidade de um pai e uma mãe a espera do sexo do filho anunciado pela ultrassonografia fora equivocada?
De quem é a culpa deste engano?
Parabéns à Globo, o canal do “Criança Esperança” e, também um parabéns para a escritora deste folhetim em que o tema principal, além de mentiras por todo o lado e apologia ao tráfico, colocando os traficantes como impunes heróis da favela, com um ganho que faz pensar que vale a pena traficar, a apologia a mudança de sexo e a criminalização das famílias que sofrem por terem um filho ou filha com essas convicções.
Por falar em convicções; vamos dizer que alguém passe por esse tal processo e sendo homem ou mulher “descubra” que nasceu no “corpo errado” e, ao invés de homem ou mulher essa pessoa, na verdade, é um animal qualquer. Imagino a Ivana gritando: “eu não sou uma mulher, eu sou uma hiena... Eu sou uma hiena...” Gosto de rir e comer fezes...
Imagino que tal fato seria analisado por psicólogos, psiquiatras e afins, mas como se sabe, fatos como o que acontece na trama sequer podem ser avaliados por profissionais (são proibidos pelo Conselho de Psicologia) com o escopo de mudar tais sentimentos.
Confuso demais. Falta de limites, de moral, de ética e principalmente: responsabilidade com o que se coloca dentro das casas do Brasil.
Parabéns Globo, neste momento milhares de crianças estão se olhando no espelho e duvidando do que são .... vocês conseguiram outra vez...."


Um abraço no seu coração
Fique na Graça e na Paz do Senhor Jesus
Pr William Thompson

(Texto de Ronaldo Marinho - adaptado para o Adorador Extravagante)