quarta-feira, 10 de agosto de 2016

- GUARDA O TEU CORAÇÃO!


Desde os primórdios da história ao coração humano foram atribuídos diversos significados, passando de “centro” de toda motivação humana a um simples órgão biomecânico.
Os egípcios entendiam o coração como o centro regulador das dimensões espiritual e orgânica.
O “povo de Israel” tinha uma visão parecida com a dos egípcios, mas com algumas combinações metafóricas. Para eles coração é centro da vida material e espiritual e, também, responsável pelos sentimentos morais e das motivações humanas, além de cumprir uma função vital.
Platão, o filósofo, racionalista, realista, idealista grego, descreve o cérebro, ou a cabeça do homem, como o elemento mais importante; o cérebro passa a ser o órgão por excelência para se chegar a “essência” (racionalidade) das coisas, ou aquilo que é mais importante para o homem.
A bíblia relata várias passagens que nos apontam o coração como centro da sabedoria, das disposições psicológicas, da vontade, das paixões da alma, etc. É importante ressaltar que, para os hebreus e os judeus da época, o coração assumia mais um significado de centro espiritual do que vital: é através do coração que o homem pode entrar em contato com Deus e Deus fala no coração do homem.
Mas sabemos hoje, que os sentimentos eram atribuídos ao coração devido às reações cardíacas diante das substâncias como a endorfina, adrenalina e dopamina, entre outras, todas enviadas pelo cérebro causando reações no coração, o que nos leva a essa comparação metafórica.

Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o coração, porque dele procedem as fontes da vida." (Provérbios 4.23)

Existem várias coisas que devemos guardar em nossa vida para nos mantermos sempre firmes na fé. Mas, porque antes de tudo se deve guardar o coração?

O coração é uma fonte de vida, mas também de morte. Fonte significa o lugar onde tudo começa ou onde tudo nasce (o coração é o primeiro órgão do corpo humano a se formar). É nesse aspecto, que entendemos porque os sentimentos são o maior inimigo da fé.

Todo ser humano possui sentimentos, como o amor, a paz, a alegria, a compaixão, e muitos outros. Mas, além dos bons sentimentos, também existem os maus sentimentos, ou seja, aqueles que atingem de uma forma negativa a nossa fé.

E são justamente esses maus sentimentos que se alojam em nosso “coração” e que destroem a nossa fé. Por isso, que antes de tudo, se deve guardar o coração, ou seja, porque é ali que os maus sentimentos nascem. E, portanto, é ali que se encontra o MAIOR PERIGO para derrubar um cristão.

Todos que verdadeiramente guardam a sua fé, antes guardam o seu coração. Essas pessoas, nunca e jamais serão escravas dos sentimentos, pois o seu coração não será uma fonte de morte, mas uma fonte de vida, ou uma fonte que beneficiará a fé e não a prejudicará.

Tudo tem uma origem, uma nascente, e a origem da queda na fé é o coração dominado pelos maus sentimentos.

Coração
João Alexandre

Onde nascem as fontes da vida e os loucos duvidam de Deus?
Onde negros se tornam os dias e os homens se acham mais seus?

Quem despeja na boca as palavras, transformando-se em pedra ou cristal?
Quem desenha na face a beleza, mas se torna o carrasco no golpe final?

Coração, entre o bem e o mal, que distância haverá?
Coração, um amigo, um bandido talvez, quem te conhecerá?

Onde o ódio encontra raízes e o amor se mistura à paixão?
Onde a vida nos traz cicatrizes e o desprezo se faz solidão?

Quem despeja nas veias da vida e na morte é o silêncio fatal?
Quem conhece a verdade da história, a cruel testemunha no lance final?

Um abraço no seu coração
Fique na Graça e na Paz do Senhor Jesus
Pr William Thompson

Nenhum comentário:

- VOCÊ ESTÁ CHEIO DE QUE?

Efésios: 5: 17   Portanto, não sejais faltos de juízo, mas buscai compreender qual é à vontade do Senhor. E não vos embriagueis com vinh...