sexta-feira, 2 de novembro de 2012

- MARKETING DO REINO! A PUBLICIDADE QUE SALVA!


(Romanos 10:14) -  Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? E como crerão naquele de quem não ouviram? E como ouvirão se não há quem pregue?
(I Coríntios 9:22) - Fiz-me como fraco para os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos, para por todos os meios chegar a salvar alguns.
(I Coríntios 9:23) - E eu faço isto por causa do evangelho, para ser também participante dele.

“Um maravilhoso tônico para os nervos e o cérebro, e um notável agente terapêutico”. Propaganda para Coca-Cola em1890.

UM MARAVILHOSO TÔNICO PARA O CORPO A ALMA E O ESPÍRTO: JESUS CRISTO, desde 0000
Jovem, você pode se imaginar bebendo uma bebida que foi inventada na época do seu bisavô? Como seus colegas iriam reagir se soubessem que você gosta de uma coisa que foi criada no século XIX? Você pode imaginar algo tão velho estando na moda hoje?
Coca-Cola foi vendida pela primeira vez no dia 8 de maio de 1886, na cidade de Atlanta, Georgia, nos Estados Unidos. Seu inventor, o farmacêutico John S. Pemberton vendeu a receita em 1887, e a empresa The Coca-Cola Company foi fundada em 1892. Coca-Cola foi vendida em garrafas pela primeira vez em 1894 e em latas em 1955.
Desde seus primeiros anos, Coca-Cola tem sido promovida com um marketing agressivo. Robert Woodruff, presidente da empresa de 1923 a 1954, declarou sua intenção de que "todas as pessoas no mundo bebessem Coca-Cola como sua bebida preferida." Coca-Cola foi a primeira empresa a patrocinar as Olimpíadas, em 1928, e tem patrocinado todas as Olimpíadas desde então, e todas as Copas do Mundo da FIFA.
Mais que 120 anos depois da sua invenção, Coca-Cola permanece sendo o refrigerante mais vendido no mundo, e continua atraindo os jovens. Com uma receita praticamente não modificada desde o ano de 1885.
Imagine que agora você recebendo um prato com bolinhos de bacalhau quentinhos ou uma bela fatia de pizza ou até mesmo um petisco de uma lanchonete qualquer; o que você pede pra beber?
As almas sentem sede de Deus assim como você quer uma coca-cola para degustar o seu lanchinho, essa sede só pode ser saciada pelo próprio Deus!
Ao nascer o ser humano trás em si três vazios que precisam ser preenchidos: PAI, MÃE E DEUS!
- Se uma criança nasce e não tem um pai; um irmão mais velho, um tio, um avô, até mesmo um padrasto pode assumir esse lugar;
- Da mesma forma a mãe pode ser substituída por uma tia, uma avó ou uma madrasta;
- Mas Deus, ninguém pode substituir e, eu e você somos os responsáveis por levar Deus ao conhecimento das pessoas!
Lembra a estória da cinderela? Pois é; o homem é o sapatinho e o único pé que cabe nele se chama Deus!
(Romanos 10:14) -  Como, pois, invocarão aquele em quem não creram? E como crerão naquele de quem não ouviram? E como ouvirão se não há quem pregue?
O mundo clama por Jesus. O ser humano precisa do Divino, anseia por ele e nós temos o produto, mas o nosso marketing é horrível.  Deixamo-nos levar pelos preconceitos, pelos rótulos denominacionais, pelas nossas vaidades, pela soberba, pelo egoísmo e mais um amontoado de coisas e, o Reino de Deus que é bom, ih...
Não foi por acaso que Jesus disse que "os filhos deste mundo são mais astutos no trato entre si do que os filhos da luz". Uma multinacional, visando apenas os seus lucros, tem entendido a necessidade de sempre atualizar sua forma de comunicar, enquanto mantém a mesma receita de sempre (aliás, quando a empresa tentou mudar a receita em 1985, ela sofreu um grande fracasso comercial).
O MESMO ACONTECERÁ CONOSCO SE TENTARMOS MUDAR A ESSÊNCIA DO EVANGELHO. A Coca-Cola utiliza a linguagem, as atividades, os personagens, e as tecnologias atuais para continuar vendendo sua velha bebida, como, por exemplo, as suas campanhas do Rock in Rio e da Copa do Mundo de futebol da FIFA.
The Coca-Cola Company não continua na liderança da sua categoria usando o mesmo marketing nem as mesmas embalagens do século 19. E a igreja precisa desesperadamente aprender, com o Apóstolo Paulo e com a Coca-Cola, que nós devemos nos tornar "tudo para com todos para de alguma forma salvar alguns", fazendo isso "por causa do evangelho". Nossa mensagem é velha – bem mais velha do que a Coca-Cola - mas nossas formas de apresentação, nossas formas de comunicação, têm que ser atuais.
- JESUS CRISTO E PAULO FORAM OS MAIORES MARKETEIROS!
PAULO NO AREÓPAGO EM ATENAS:
(Atos 17:19-25) - E tomando-o, o levaram ao Areópago, dizendo: Poderemos nós saber que nova doutrina é essa de que falas?  Pois coisas estranhas nos trazes aos ouvidos; queremos, pois, saber o que vem a ser isto (Pois todos os atenienses e estrangeiros residentes, de nenhuma outra coisa se ocupavam, senão de dizer e ouvir alguma novidade). E, estando Paulo no meio do Areópago, disse: Homens atenienses, em tudo vos vejo um tanto supersticiosos; porque, passando eu e vendo os vossos santuários, achei também um altar em que estava escrito: AO DEUS DESCONHECIDO. Esse, pois, que vós honrais, não o conhecendo, é o que eu vos anuncio. O Deus que fez o mundo e tudo que nele há, sendo Senhor do céu e da terra, não habita em templos feitos por mãos de homens; Nem tampouco é servido por mãos de homens, como que necessitando de alguma coisa; pois ele mesmo é quem dá a todos a vida, e a respiração, e todas as coisas;

O que mais tem atrapalhado o marketing do Evangelho de Jesus é a tradição (coisa dos fariseus), os rótulos, os escândalos e as terríveis quatro paredes!!
O primeiro passo para um marketing de longo alcance foi dado pelo próprio Deus. O dia de Pentecostes foi aonde, pela primeira vez, o povo ouviu a igreja "declarar as maravilhas de Deus em sua própria língua". COM ISTO DEUS ESTAVA DIZENDO: “ESTOU FACILITANDO AS COISAS PARA VOCÊS IREM MUITO MAIS ALÉM”!
Precisamos voltar à experiência e essência da igreja primitiva, deixando que o Espírito de Deus nos capacite para comunicar a Boa Notícia de Jesus à esta geração.
Um abraço no seu coração!
Fique na graça e na Paz do Senhor Jesus!
Pr William Thompson

2 comentários:

Anônimo disse...

Abençoado, gostei da abordagem e acredito que o texto de Romanos 1:16 cabe dentro do pensamento "Porque não me envergonho do evangelho, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego"
Temos que derrubar as barreiras e continuar pregando o Evangelho da Salvação.
Forte abraço.
Pr. Gilberto Junior.

Anônimo disse...

Lindo!

Aide Godoi